Twitter Facebook

Buscar
 
   
 
 
 

 

 

 

Camara

30/08/2018 - 17:57h

Beneficios Aos Servidores

Em sessão ordinária realizada nesta terça-feira, 28, os vereadores aprovaram por unanimidade o Requerimento 60/2018, que solicita ao Executivo o encaminhamento à Câmara Municipal de um projeto de lei que adéque o Estatuto dos Servidores Públicos Municipais (Lei Complementar 147/2009) ao Estatuto dos Servidores Públicos Federais (Lei 8.112/1990), com o objetivo de garantir ao funcionário efetivo do município o direito de ter reduzida a sua carga horária de trabalho, sem diminuição salarial, quando este for portador de deficiência - desde que comprovada a necessidade por junta médica oficial -, ou tiver filhos, cônjuge ou outro dependente portador de deficiência.--------   Autor do requerimento, o vereador Ivan Martins (PSD) providenciou também um anteprojeto de lei a ser apresentado à prefeitura. O texto prevê alterações no artigo 22 do Estatuto dos Servidores Públicos Municipais, de modo a contemplar a proposta, em respeito à legislação nacional. Recentemente, lembrou o parlamentar na tribuna, uma servidora municipal de Brusque ganhou na Justiça o direito de ter sua jornada de trabalho reduzida de 40 para 20 horas, sem redução de salário, para cuidar do filho, que tem paralisia cerebral.------   “Enquanto o cidadão não reclama pelo reconhecimento de seus direitos junto ao Executivo e o Judiciário, fica tudo em ‘banho-maria’, ninguém faz com que isso aconteça. Mas, quando esses poderes são provocados, as coisas mudam, se não pelo Executivo, mas pelo Judiciário”, disse Martins. “O Executivo terá de se adaptar à concessão desse benefício aos servidores portadores de deficiência ou que possuam dependentes nessa condição”, acrescentou.--------   Durante a discussão da matéria, os vereadores Celso Carlos Emydio da Silva, o Dr. Celso (DEM), Claudemir Duarte, o Tuta (PT), e José Zancanaro (PSB) elogiaram a proposta e procuraram reforçar sua importância, especialmente na defesa dos direitos da classe trabalhadora.------   “Já temos conhecimento de que outros funcionários públicos se preparam para entrar com ação semelhante no Judiciário. Então, penso que o município poderia se antecipar e evitar essas contendas, pois sabemos que esse direito é previsto em lei federal e deve ser devidamente reconhecido através do Estatuto do Servidor Público Municipal”, aconselhou Martins.....*Assessoria

 

 

 

 
 
 
 
 
 

Notícias

Abastecimento

Acidentes

Administração

Alimentos

Anunciantes

Anuncios

Arte

Assitencia Social

Aventura

Bombeiros

Camara

Câmara Federal e Senado

Campo

Capacitação

Cidadania

Cidadania

Cidades

Ciência

Clima/tempo

Coisas da Vida

Coluna

Comendas

Comercio

Comportamento

Comportamento

Comunicação

Comunicado

Comunidade

Congresso Nacional

Conhecimento

Consumidor

Corrupção

Crime

Cultura

Curiosidades

Datas

Desastres

Desenvolvimento

Destaques

Drogas

Ecologia

Economia

Educação

Eleições 2016

Emergencia

Energia

Ensino

Entidades

Entretenimento

Espaço do Leitor

Esportes

Estradas

Eventos

Família

Fenarreco

Festas

Forças Armadas

Gente

Governo

Habitação

Imprensa

Intercâmbio

Internacional

Investigação

Investimentos

Jogos

Jornal

Judiciário

Justiça

Lava Jato

Lazer

Legislação

Legislativo

Legislativo Guabiruba

Manifestações

Medicina

Meio Ambiente

Melhorias Urbanas

Mensagem

Moções

Mundo

Natal

Natureza em Foco

Obras Publicas

Ocorrencias

Opinião

Parcerias

Partidos

Perigo

Planejamento Urbano

Policia

Política

Previdência

Prisões

Produtos

Profissões

Publicidade

Resgate

Roubo

Saúde

Saúde Públca

Segurança

Sensibilidade

Serviço

Serviços Públicos

Sindicatos

Sinistros

Sociais

Solidariedade

Tecnologia

Tempo

Trabalhista

Trabalho

Transito

Transito

Treinamento

Tributos

Turismo

Utilidade Publica

Vida

Zoobotanico

 
 
Copyright © 2010 - Todos os direitos reservados para Brusque Notícias Desenvolvido por Imoveisdebrusque.com.br