Twitter Facebook

Buscar
 
   
 
 
 

 

 

 

Camara

19/02/2021 - 17:55h

Projeto Que Impede Vereador de se Licenciar do Mandato Para Assumir Cargo no Executivo é Tema de Audiência Pública

Durante o evento, os seis autores da proposta defenderam a aprovação do texto, que deve figurar na pauta da próxima terça-feira************ Em audiência pública realizada na quarta-feira, 17 de fevereiro, a Câmara Municipal de Brusque promoveu o debate sobre o Projeto de Emenda à Lei Orgânica Municipal n° 1/2021, de autoria legislativa, que visa impedir o vereador de se licenciar do mandato parlamentar para assumir cargos de secretário, diretor ou equivalente na administração municipal. O acesso ao plenário foi restrito a 40% da lotação da galeria devido à pandemia de coronavírus (Covid-19)*************   O evento foi convocado pela Comissão de Constituição, Legislação e Redação (CCLR) do Poder Legislativo. Em parecer, a CCLR já atestou a constitucionalidade da matéria e registrou que a iniciativa “se justifica pelo clamor popular, para que os vereadores eleitos permaneçam ocupando seus cargos no Poder Legislativo, moralizando a relação entre os poderes constituídos do município, evitando trocas de cargos e ajustes de favores promíscuos”.*************   Co-assinam o projeto André Rezini (Republicanos), André Batisti, o Déco (PL), André Vechi (DC), Cassiano Tavares, o Cacá (PODE), Jean Carlo Dalmolin (Republicanos), e Ricardo Gianesini, o Rick Zanata (Patriota).***************   No primeiro ano da Legislatura passada, em 2017, proposta semelhante chegou a tramitar na Câmara, mas o texto foi rejeitado por não obter os dez votos necessários à aprovação de um projeto de emenda à Lei Orgânica.*********** Argumentos dos autores:********   “Entendo que o projeto vem ao encontro do que a sociedade brasileira vem clamando nos últimos anos. Prega moralidade, justiça, ordem. Fomos eleitos pelo voto popular e temos que ouvir os anseios da nossa população e obedecê-los”, disse Rezini. “Precisamos dar bons exemplos e fazer as modificações que entendemos plausíveis para a sociedade brusquense”, acrescentou o republicano.***************     “A população clama por uma nova postura das pessoas públicas. É nítida a vontade dessa mudança. Concordo com que o vereador cumpra seu mandato até o fim da legislatura e vejo que a gente tomando este caminho estaremos no rumo certo, que realmente fará bem para a democracia”, afirmou Dalmolin.*****************   “Vimos, hoje, 100% das manifestações a favor do projeto. Tenho certeza que vai predominar, entre os parlamentares que não estão presentes, o bom senso e discernimento quando assistirem a essas manifestações”, ressaltou Déco. “Quando sai da Câmara e vai para o Executivo, o vereador deixa o voto amarrado e sua atuação na contramão do desejo popular. Precisamos moralizar e dignificar a política”, emendou.***********   Para Zanata, a aprovação da pauta é essencial à independência entre os poderes: “Quando um vereador assume cargo no Executivo, o suplente que assume o mandato não tem liberdade. Se ele tiver uma opinião contrária à do governo, e o seu voto é o que vai decidir uma votação, com certeza o licenciado vai voltar para a Câmara para votar do jeito que o Executivo quiser. Se ele realmente quiser ir para o Executivo, que renuncie e deixe o suplente trabalhando com tranquilidade, sem pressão”, criticou.*************   “É até constrangedor precisarmos de um projeto de lei para isso. Como é que alguém pede voto para o Legislativo e vai servir ao Executivo?”, indagou Cacá. Ele defendeu o argumento comum entre os que articulam pela aprovação do projeto de que o vereador convidado a assumir postos na Prefeitura - e cuja decisão for por aceitar o convite - deve renunciar ao mandato em vez de se licenciar, como a lei permite atualmente: “O Legislativo não pode ser visto como moeda de troca. É por isso que escutamos que a Câmara é um puxadinho da Prefeitura”.*********** “Projeto sem lado”********* Presidente da CCLR, Vechi conduziu a audiência pública e sublinhou o fato de diversos vereadores compartilharem da mesma opinião: “Esse projeto não tem lado, não é de esquerda ou de direita, da classe laboral ou da classe empresarial. É um projeto pelo qual a cidade clama”, destacou. “Sem dúvidas, é um projeto que vai ficar marcado na história, para o bem ou para o mal, daqueles que ouvirem, forem favoráveis e se manifestarem de acordo com o anseio popular, ou daqueles que pensarem de forma diferente, que a gente pode discordar, mas tem que respeitar. Esse é um projeto de moralidade”, avaliou.************ “Relação independente”************ A vereadora Marlina Oliveira Schiessl (PT) contribuiu com o posicionamento dos colegas: “Posiciono-me a favor deste projeto, sim, e acho, como alguns colocaram, que não deveríamos precisar de um projeto de lei para tencionar essa questão. Como bem citado, este projeto não versa sobre proibição. A pessoa que está exercendo o cargo eletivo sempre terá a possibilidade de fazer sua escolha e o Legislativo manter-se fiel ao que se propõe, que é uma relação respeitosa, harmônica e independente do Executivo”.********** Em pauta************ Alessandro Simas (DEM), presidente da Câmara, confirmou o compromisso de pautar a primeira votação do texto para a sessão da próxima terça-feira, 23, e convidou a comunidade a comparecer à reunião. “Não há pressão por parte do governo ou de partidos, o negócio está muito limpo”, afirmou. Ele elogiou o que considera “uma imparcialidade partidária muito grande” dos parlamentares de primeiro mandato desta legislatura e declarou: “O que se viu e ouviu hoje faz com que tenhamos que pensar e refletir muito”.*********** Pressão das entidades************* Participaram da audiência pública, representantes do Conselho de Entidades - que engloba Associação Empresarial de Brusque (Acibr), Associação das Micro e Pequenas Empresas de Brusque e Região (AmpeBr), Observatório Social de Brusque (OSBr), Sindicato da Indústria da Construção e do Mobiliário de Brusque (Sinduscom), entre outros -, do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Brusque e Região (Sinseb), Fórum de Entidades Sindicais de Trabalhadores de Brusque e Região, da União Brusquense das Associações de Moradores (UBAM), do Coletivo Maria Vai com As Outras, e do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Unifebe. Vários deles fizeram uso da palavra para pressionar pela aprovação da matéria.****************      

 

 

 

 
 
 
 
 
 

Notícias

Abastecimento

Acidentes

Aconteceu

Administração

Alimentos

Altruismo

Anunciantes

Anuncios

Arte

Assitencia Social

Aventura

Bombeiros

Brasil

Camara

Câmara Federal e Senado

Campo

Capacitação

Cidadania

Cidadania

Cidades

Ciência

Clima/tempo

Coisas da Vida

Coluna

Comendas

Comercio

Comportamento

Comportamento

Comunicação

Comunicado

Comunidade

Congresso Nacional

Conhecimento

Consumidor

Corrupção

Covid-19

Crime

Cultura

Curiosidades

Datas

Defesa Civil

Desastres

Desenvolvimento

Destaques

Dicas

Diplomacia

Drogas

Ecologia

Economia

Educação

Eleições

Emergencia

Emergencia

Energia

Ensino

Entidades

Entretenimento

Espaço do Leitor

Esportes

Estradas

Eventos

Fake News

Falecimento

Falsarios

Família

Fenarreco

Festas

Forças Armadas

Gente

Gente

Gente Famosa

Governo

Greve

Habitação

História

Impeachment

Imprensa

Informe

Infraestrutura/mobilidade

Intercâmbio

Internacional

Investigação

Investimentos

Jogos

Jornal

Jornalismo

Judiciário

Justiça

Lava Jato

Lazer

Legislação

Legislativo

Legislativo Guabiruba

Manifestações

Medicina

Meio Ambiente

Melhorias Urbanas

Mensagem

Mercado

Mobilidade

Moções

Mundo

Natal

Natureza em Foco

Noticia da Hora

Obras Publicas

Ocorrencias

Opinião

Parcerias

Partidos

Perigo

Pesquisas

Planejamento Urbano

Policia

Política

Previdência

Prisões

Produtos

Profissões

Publicidade

Relações Exteriores

Resgate

Retrospectiva 2011

Roubo

Samae

Saúde

Saúde Públca

Segurança

Sensibilidade

Serviço

Serviços Públicos

Sindicatos

Sinistros

Sociais

Solidariedade

Supremo Tribunal Federal

Tecnologia

Tempo

Terror

Terrorismo

Trabalhista

Trabalho

Tráfico

Transito

Transito

Transportes

Treinamento

Tributos

Turismo

Utilidade Publica

Vida

Zoobotanico

 
 
Copyright © 2010 - Todos os direitos reservados para Brusque Notícias Desenvolvido por Imoveisdebrusque.com.br